3 mitos da produtividade e porque eles não são reais

Produtividade é um assunto muito falado por aí. A maioria das pessoas tem buscado formas de ser mais produtivo, qualquer que seja o motivo: dar conta de todos os seus afazeres, ser um empregado mais eficiente e ganhar uma promoção, ter tempo livre para a família e os amigos.

Entretanto, muitas das coisas que são de senso comum quando se fala de produtividade na realidade são mitos. Ou seja, são coisas que a maioria das pessoas acredita, mas não são realmente verdade.

E no post de hoje eu quero falar sobre os principais mitos da produtividade. Talvez o fato de você acreditar em algum ou alguns deles seja justamente o que te impede de melhorar e ser mais produtivo.

O mito da multitarefa

Esse é um assunto já bastante debatido aqui no blog. Muitas pessoas acreditam que fazer várias coisas ao mesmo tempo é sinal de ser produtivo. Pois é justamente o contrário. Vários estudos já demonstraram que ser multitarefa é prejudicial à nossa produtividade. Isso porque, nosso cérebro simplesmente não funciona dessa forma.

Quando estamos nos dedicando a mais de uma tarefa ao mesmo tempo, o nosso cérebro alterna entre elas, desviando constante a atenção entre cada coisa. É fisiologicamente impossível o cérebro lidar com duas atividades simultaneamente. Isso, além de mentalmente estressante, diminui nossa capacidade de concentração, porque o cérebro é treinando a não focar em uma única coisa por longos períodos e com o tempo vamos prejudicando nosso foco.

Além do fato de que, ao alternar entre duas ou mais tarefas, nossa atenção nunca está 100% em nenhuma delas, o que aumenta a chance de erros e falhas, levando a um trabalho de má qualidade.

Esse foi um dos mitos que para mim, particularmente, foi mais difícil de aceitar. Eu sempre tive o hábito de fazer várias coisas ao mesmo tempo e só percebi o quanto isso era ineficiente quando resolvi testar trabalhar em uma coisa por vez. Hoje só faço dessa forma, com total atenção e foco no que estou fazendo, sem dispersar. Claro que as vezes acontece, mas evito tanto quanto possível.

Se você quiser entender melhor porque multitarefa é tão prejudicial e como deixar de ser dessa forma, é só clicar no post linkado.

mesa computador agenda

Foto de Sabri Tuzcu em Unsplash

O mito de que produtividade é fazer mais coisas em menos tempo

Essa também é uma crença muito comum. Muitos acreditam que ser produtivo é produzir cada vez mais e em menos tempo. A verdade é que não é bem assim. Pense um pouco e me responda: você quer fazer as coisas em menos tempo por quê? O que você vai fazer com o tempo que “sobrar”?

Fazer seu trabalho na metade do tempo e usar a outra metade para trabalhar ainda mais não é necessariamente ser produtivo. Produtividade tem haver com resultados, com eficiência e não com quantidade de trabalho. Não adianta você fazer uma tarefa em menos tempo, se foi tudo feito com pressa e desatenção, levando a um resultado medíocre e com grande chance de terem ocorrido erros. Isso sem falar no retrabalho para corrigir eventuais falhas.

Produtividade também é equilíbrio. Tentar fazer suas tarefas mais rápido apenas para ter mais tempo para fazer mais tarefas não é uma boa ideia. Um dos objetivos de quem busca ser produtivo é (ou deveria ser) ter tempo para se dedicar a outras coisas além do trabalho: família, amigos, hobbies. Pensar só em trabalho está bem longe de ser o ideal para quem busca uma vida produtiva.

Outro ponto relacionado a este mito é que mais importante do que fazer mais coisas é fazer as coisas certas. Não adianta realizar uma grande quantidade de tarefas se elas não trazem nenhum resultado relevante ou não te levam para mais próximo do seu objetivo. Esse ponto está diretamente relacionado com o próximo mito.

O mito de que estar ocupado é o mesmo que ser produtivo

Esse mito pode ser facilmente percebido no dia a dia. Sabe quando você passa o dia todo respondendo e-mails, atendendo ligações, participando de reuniões, resolvendo problemas e no final do dia percebe que o relatório que deveria ter sido entregue ainda não está pronto? Aí bate aquela sensação de que você trabalhou muito o dia inteiro mas parece que não fez nada.

Isso porque você realmente esteve ocupado o dia todo. Mas não foi produtivo. Fica claro como esse mito e o anterior estão relacionados. Você se ocupou, fez várias atividades. Mas não alcançou nenhum resultado importante porque não se dedicou de fato ao que importava. Você estava ocupado mas não produziu nada.

Essa situação é muito comum, principalmente quando o seu trabalho exige que você viva “apagando incêndios”, ou seja, resolvendo pendências e urgências que acabam usando todo o seu tempo, de forma que as tarefas importantes ficam pra depois. Ou então quando você enche a sua To do list de coisas sem importância e as tarefas realmente significativas ficam perdidas e acaba não se tendo tempo para elas. É exatamente o que diz uma frase que eu li em algum lugar um tempo atrás: as vezes estamos tão ocupados que não achamos tempo para ser produtivos.

Em seu livro Produtividade para quem quer tempo, Geronimo Theml classifica as tarefas em tarefas de ocupação e tarefas de produção. Tarefas de ocupação são aquelas que muitas vezes até precisam mesmo ser feitas, mas não contribuem para alcançar os seus objetivos. Tarefas de produção fazem parte do caminho que te leva até as suas metas. Não adianta passar todos os minutos do seu dia envolvido apenas com tarefas de ocupação e achar que está sendo produtivo.

Uma coisa que ajuda a sair dessa situação é estabelecer prioridades. Se dedique primeiro ao que é realmente importante e vai te trazer resultados. Claro que isso requer planejamento, tanto do seu dia, da sua semana, quanto a longo prazo. Saber organizar suas tarefas também ajuda: analise o que precisa ser feito e delegue o que pode ser delegado, adie o que pode ser adiado.

Entender esse mito é importante também para entendermos o valor dos momentos de descanso, de se fazer pequenos intervalos entre as suas tarefas. Descansar a mente e o corpo faz com que trabalhemos muito melhor do que se ficarmos nos forçando a realizar atividades quando estamos cansados, com a energia baixa e com dificuldade de concentração.  Tanto que a técnica Pomodoro é usado por várias pessoas no mundo todo para melhorar a produtividade. Os momentos de pausa ajudam a diminuir o estresse, melhorar o raciocínio e o foco.

mesa computador papeis

Foto de Taduuda em Unsplash

Se analisarmos bem, os mitos envolvendo produtividade estão diretamente relacionados ao entendimento incorreto do que essa palavra significa. A própria definição de “produtividade” e “produtivo” pode levar a uma interpretação errônea. Claro que existem situações onde produtividade pode ser entendida como produzir mais: no caso de uma máquina, por exemplo, ou quando se fala de produtividade do solo em termos agrícolas.

No entanto, quando trazemos esse conceito para a nossa realidade enquanto seres humanos, precisamos entender que produtividade se refere mais à eficiência em termos de qualidade e não de quantidade. O meu conceito de produtividade não é trabalhar um número maior de horas; pelo contrário é trabalhar menos, mas fazendo as coisas da melhor forma possível, com qualidade e no prazo estabelecido; além de permitir que haja tempo para outras áreas da vida e não só para o trabalho.

Me conta agora nos comentários: esses mitos da produtividade fazem parte do seu dia a dia? Já sabia que eram mitos ou acreditava serem verdade? Tem algum outro mito que eu não falei no post e você acha importante falar sobre ele?

Até mais,

Juliana Sales

25 comentários sobre “3 mitos da produtividade e porque eles não são reais

  1. Olá!!

    Acho que o primeiro mito foi o que mais se encaixou em mim, pelo menos, no meu antes. Antes eu ficava nessa de fazer mais de uma coisa ao mesmo tempo, achava que com isso eu renderia mais e finalizaria minhas tarefas em menos tempo. Foi um engano, às vezes me atrapalhava e quando via estava mais estressada do que outra coisa. Hoje já não faço assim, uma coisa de cada vez e no meu ritmo, sem pressão, com isso tenho sentido melhoras e um melhor desempenho.
    Adorei o post!!!

    bjs
    Fernanda

    Curtido por 1 pessoa

    • Oi Fernanda! A questão da multitarefa é bem dessa forma mesmo, ficamos fazendo esforço pra ser assim porque parece que o jeito certo de ser produtivo, mas acontece bem o contrário, como você mesma percebeu na prática. Fico feliz que tenha gostado do post!

      Curtir

  2. Olá! Achei o post muito interessante. Respondendo a sua pergunta eu juro para você que eu acreditava no mito de que produtividade é fazer mais coisas em menos tempo.rsrs Lendo eu percebi que não é bem assim.
    Você tem algum post falando sobre organização? Caso não tenha gostaria de sugerir pois eu tenho muita dificuldade nisso.rsrs
    Adorei o blog! Curti a page, não achei onde te seguir.
    bjs
    http://www.simplesmenteciana.com

    Curtido por 1 pessoa

    • Oi Luciana! Acreditar no mito da multitarefa é muito comum mesmo. Que bom que o post te ajudou a perceber que não é verdade. Eu tenho sim alguns posts sobre a organização, entre eles uma série chamada Manual de Organização, é só jogar na busca aqui do lado direito que você encontra. Fico feliz que tenha gostado do blog! Aqui do lado direito também tem as opções de seguir pelo próprio wordpress ou por e-mail.

      Curtir

  3. Somente o primeiro item eu já sabia e ainda por experiência própria, pois eu particularmente não consigo fazer duas coisas ao mesmo tempo porque sempre me distraio e acabo fazendo somente uma coisa.
    Os outros dois itens não sabia e achei muito interessante em conhecê-los!

    Amei seu post!

    Beijos
    invernode1996.blogspot.com.br

    Curtido por 1 pessoa

    • Oi Monique! Realmente muitas pessoas se sentem assim, mas continuam tentando ser multitarefa porque acham que é o jeito certo de ser mais produtivo.
      Que bom que pode conhecer mais sobre o assunto!

      Curtir

  4. Concordo com tudo isso que foi abordado em seu texto… produtividade não tem a ver com ficar mais tempo ocupado ou fazer muitas coisas… tem a ver com saber aproveitar melhor o tempo de modo a obter resultados eficazes. Gostei muito do seu jeito de abordar este assunto, foi muito explicativo!
    Beijos e muito sucesso a você! ❤

    Curtido por 1 pessoa

  5. O primeiro item realmente engana: fazer muitas coisas ao mesmo tempo transmite a sensação ilusória de produtividade. Eu não consigo fazer mais de uma tarefa ao mesmo tempo, tb não consigo me concentrar. Pelo que noto a base da produtividade está na organização: sabendo delegar tempo adequado para todas as tarefas, eles serão feitas com qualidade.

    Curtido por 1 pessoa

    • Esses mitos enganam mesmo Patrícia, por isso tanta gente acredita nele. Se não ficarmos atentos podemos achar que estamos sendo produtivos quando na verdade é bem oposto! E você está certa, organização e produtividade caminham lado a lado.

      Curtir

  6. Oi Juliana!
    Concordo com todos os pontos que levantou aqui! Acho que um dos que mais me prejudicava, e ainda acontece de vez em quando, é quando proponho fazer várias coisas ao mesmo tempo. Às vezes me perco em uma tarefa e acaba que mais de uma fica sem fazer, tudo no meio do caminho. Um hábito que eu tinha e que adoro é de ler vários livros ao mesmo tempo, hoje lia um, amanhã outro. Como as leituras fazem parte de algo que vai além do gostar, porque tenho parcerias e preciso apresentar conteúdo em determinados prazos, acabava que eu ficava com a sensação que as leituras estavam estagnadas, ainda que não estivessem, exatamente porque eu não finalizava nenhuma delas. Daí era a sensação de “não li nada essa semana”… Comecei a focar em uma leitura por vez. E, não é que mais números ou velocidade tenham crescido exponencialmente, mas sinto a sensação boa de terminar um livro, embrenhar e outro e caminhar adiante. 🙂
    xoxo

    Curtir

    • Oi Rê! Eu já achava que a multitarefa era o mito mais comum e com os comentários do post só estou confirmando! Eu mesma ainda me pego fazendo isso as vezes. Fomos meio que ensinados assim, então é difícil deixar de fazer. Quanto aos livros, eu geralmente leio dois, de assuntos bem diferentes, mas como é só hobbie, não tem muito problema. Já você que vai além do hobbie e tem prazos, me parece que o melhor é mesmo se dedicar a um por vez. 😉

      Curtido por 1 pessoa

  7. Vai falar aqui a pessoa que não consegue ler apenas um livro por vez. Leio vários… dois ou três e talvez por isso dê preferência aos que tem capítulos. Mas isso é herança materna. Aprendi com ela. Mamys intercalava estilos diferentes de leituras.
    Mas com relação ao trabalho, eu preciso de check list semanal e começar um projeto e terminar o outro. Não consigo abraçar o mundo porque surto com coisas inacabadas. Giro ao redor do próprio eixo e saio de fuso. rs
    Fico a imaginar você a ler meus comentários. Deve me achar uma pessoa louca-perturbada-insana. Ok. Eu sou assim mesmo. rs e a culpa é claro é de todos esses processos em vida.

    bacio

    Curtido por 1 pessoa

    • Oi Lunna! Com livros eu também sou assim, geralmente leio dois, de assuntos diferentes entre si. Mas como é só hobbie, não me importo muito com a produtividade nesse caso. rs Mas na hora do trabalho ou estudo, fico mesmo em uma coisa por vez e assim tudo flui melhor. Também odeio coisas inacabadas. E não te acho louca não! Pelo contrário, gosto das reflexões e dos pontos de vista que seus comentários trazem.

      Curtir

  8. Assim que li o título do post me lembrei das pessoas que falam que quem trabalha com crianção de conteúdo é produtivo a todo tempo hehe. Acho que esse é mais um dos mitos sobre esse assunto.

    Só consegui encontrar verdades me tudo o que você escreveu. Eu, por exemplo, não consigo ser suficientemente produtiva fazendo várias coisas ao mesmo tempo, e olha que eu tento. Por mais que possam existir pessoas que consegue, cada um tem seu modo de trabalhar e fazer as coisas 🙂

    Parabéns pelo post!

    Curtido por 1 pessoa

    • Oi Luana!
      Verdade, essa da criação de conteúdo é outro mito mesmo!
      E na verdade, são raríssimas as pessoas que realmente são produtivas fazendo várias coisas ao mesmo tempo, pelo menos segundo os estudos científicos. Achar que se é mais produtivo assim, na maioria das vezes é ilusão.
      Obrigada!

      Curtir

  9. acho que para a pessoa conseguir melhorar a sua produtividade ela tem que si forcar em uma coisa por vez mais vai de pessoa pra pessoa eu pro exemplo antes fazia mil e uma coisas ao mesmo tempo mais nao tinha muita produtividade agora tento me focar e fazer algumas coisas por vez e por prioridade

    Curtido por 1 pessoa

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s