Vamos falar sobre foco?

Não é preciso consultar um dicionário para saber o que é foco. Podemos definir foco como a capacidade de nos manter concentrados em determinada ação ou tarefa. Eu já expliquei por aqui a diferença entre foco e concentração porque, sim, as definições são diferentes. Mas em termos práticos podemos ter a liberdade de considerar as duas palavras como sendo sinônimos.

Todos sabem também que conseguir se manter focado é essencial para ser uma pessoa produtiva. Um dos fundamentos da produtividade é a atenção e foco nada mais é do que direcionar e manter nossa atenção sobre determinada coisa/assunto. Existem algumas técnicas de produtividade, como o Deep Work que falam principalmente sobre a importância de gerenciar nossa atenção e focar o máximo possível em nossas tarefas.

Claro que isso não é tão simples. Vivemos em um mundo de distrações, com notificações de mensagens chegando a todo instante, pessoas nos chamando, telefones tocando, tarefas e obrigações novas surgindo. E justamente por isso, por estarmos rodeados por esse excesso de informação, se torna ainda mais importante sermos capazes de direcionar nossa atenção, ou seja, mantermos nosso foco.

A boa notícia é que diversos estudos apontam que podemos treinar nossa capacidade de nos mantermos focados. Cal Newport, defensor do conceito de Deep Work e autor de um livro sobre o assunto, afirma que concentração e foco são habilidades que podem ser treinadas e desenvolvidas.

Continuar lendo

Mindfulness: aumente sua concentração e melhore sua produtividade

Acredito que quem acompanha o blog e lê os meus post com frequência, já percebeu um fato bem importante quando se fala de produtividade: estar ocupado é diferente de ser produtivo. Eu falei um pouco sobre isso nesse post sobre os mitos da produtividade. Produtividade tem a ver com alcançar resultados, atingir metas. Então, se você passa o tempo todo atarefado mas não obtém resultados, não conclui as coisas, não realiza seus objetivos, então você não está sendo nada produtivo.

No mesmo post que eu linkei ali em cima, eu falo também que ser multitarefa, ao contrário do que se pensa, é prejudicial a produtividade. Isso porque você nunca está de fato focado em coisa nenhuma que você está fazendo, pois ao fazer mais de uma coisa ao mesmo tempo, seu cérebro alterna seguidamente entre elas, prejudicando seu foco e sua capacidade de concentração.

E todos sabemos que para conseguir realizar nossas tarefas de forma adequada precisamos nos manter concentrados. Eu já dei aqui no blogs dicas de como melhorar sua capacidade de concentração. A boa noticia é que é uma questão de treino: você pode trabalhar para aprender a ficar mais concentrado.

O Deep Work, por exemplo, é um conceito sobre a importância de fazer um trabalho focado, isto é, dedicar integralmente sua atenção as tarefas que você precisa fazer, especialmente aquelas que te fazem ser produtivo de verdade, ou seja, contribuem para chegar aos seu objetivos. Claro que é impossível se livrar totalmente das tarefas que apenas ocupam nosso tempo, mas a ideia é destinar mais tempo as tarefas importantes e dedicar atenção completa a elas no momento da execução.

Continuar lendo

Não consigo me concentrar! Atitudes, dicas e técnicas para resolver o problema.

Você sabe a diferença entre concentração e foco? Vamos dar uma olhada no significado de cada uma dessas palavras.

Concentração: ato de manter-se concentrado, ou seja, dedicar voluntariamente toda a atenção para alguma coisa, um objetivo ou uma atividade. Foco: ponto para o qual converge alguma coisa.

Podemos perceber que os dois conceitos estão diretamente relacionados. Estar concentrado é estar dirigindo nossa atenção para alguma coisa. Essa “alguma coisa” é o foco da nossa concentração. Portanto, quando falamos de estar concentrado ou estar focado, estamos falando de coisas complementares e interligadas.

Manter nossa atenção por um certo período de tempo em alguma tarefa é uma dificuldade que muitas pessoas enfrentam no dia a dia. E existem inúmeros motivos para isso: interrupções, distrações, falta de motivação, procrastinação. Essa situação também é reflexo de vivermos em uma sociedade que acredita que ser multitarefa é sinônimo de produtividade, de forma que involuntariamente treinamos nosso cérebro para fazer várias coisas ao mesmo tempo e, no final das contas, não conseguimos nos concentrar direito em nada. (Existem inúmeros estudos que mostram que ser multitarefa é prejudicial a nossa produtividade, tem post aqui no blog sobre isso.)

Continuar lendo